A beleza invisível

Não sei sobre tudo por inteiro…

Da distância e da essência,

Do mistério e do aroma,

Do encanto e da beleza,

Das cores e das curvas,

Dos planetas e das luas,

Da maça e das uvas,

Da jasmim e das rosas,

Do jardim e dos pés,

De dama-da-noite,

Ah! Beleza invisível,

Dança pelo ar em sincronia,

Não sei de onde vem o faro,

Mas de algum jeito,

Sei que meus olhos sentem seu cheiro.

O cheiro é relativo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s