Alimente

Explosão artística,

Samba, vento e alquimia,

Das horas da noite,

Aos minutos do dia,

No ar,

Um toque de incenso,

Pra lembrar do que é bom,

Senso,

Pra pensar sobre a música,

E os encantos do tempo,

Observar a tinta no quadro,

Sair um pouco do quadrado,

Por entre telas e lírios,

Os tons e os brilhos dizem,

Que por aqui,

As tintas dançam,

Formando o desenho,

E a inspiração,

É o oxigênio.

Explosão Artística

Sentido biológico

Expressão e biologia,

Do sentido à cevada,

A planta do pé foi pauta,

Pra entender o movimento,

Da arte do corpo e sua extensão,

Cheiro, tempero e poesia,

Fazem parte dos gestos,

Dos sorrisos e olhares,

Da Lua,

Em bela noite de alquimia,

Antropofagia.

Frases e fases

Dopaminérgico

Acordar,

Despertar,

Agora,

No primeiro instante da hora,

Quando tudo o que está dentro vai pra fora,

No primeiro momento do dia,

Emergem os sonhos da noite,

Feito erupção vulcânica,

Estrelas e luas borbulham,

Do fundo da mente oceânica.

Pelos rios e ruas,

Do cérebro,

Pólvora,

Polvo,

Peixe,

Fogo,

Água,

Corrente,

Estopim elétrico,

Instante dopaminérgico.

Dialética

Muito além do normal,

Além da palavra,

Transcendental,

Além da matemática,

Da matéria,

Não-verbal,

Além da explicação,

Do por que,

Do real,

Dialética, linguagem,

Semiótica e surreal,

Laboratório,

Leitura labial.

Neurotransmissão

Contemplei o que nunca vi

Depois de tanto observar,

Entre um e outro olhar,

Contemplei o que nunca vi,

Depois de tantos olhos,

Tantas cores e olhares,

Enxerguei algo a mais,

Muito além da íris,

Invisível mas real,

Além da matéria,

Intangível e essencial,

Coisa que não se guarda em frascos,

Não se calcula,

Não se apalpa,

Não se pesa,

Não se mede,

Nem se pede,

Acontece,

É,

Coisas que jamais verei,

Mas sei que posso perceber,

Compreender,

Intuição? Quem vai entender?

Dentre todas as belezas,

Descobri que as coisas mais belas,

São aquelas que não conseguimos ver.

photo1

Assim são as palavras

Soltas pelo Universo,

Vagam de um lado pro outro.

Transportadas pela inspiração,

Que funciona como um aspirador,

Tragando muitas letras de uma só vez,

Pra dentro da mente.

A alma faz a digestão,

Com a ajuda das vírgulas e pontos,

Tudo é ordenado e jogado ao vento novamente,

Até que outros inspirados possam reorganizá-las,

De formas infinitas…

Assim são as palavras.

Jacek Yerka

Palavra: o portal da ideia.

O tutano da vida

Fui voar e mergulhar,

Destilar a beleza dos detalhes,

Explorar a  leveza das brisas,

Extrair a riqueza dos gestos,

Filtrar com destreza lisa,

Comer o tempero dos verbos,

Desfrutar com o doce prazer,

De sugar o tutano da vida,

E compor a essência dos versos.

Mergulho Pro Fundo

Paisagem de palavra

Suas palavras são uma passagem de ida,

A um mundo doce de fantasia,

Onde tom é beleza,

E fadas são vida,

Letras têm cheiro,

Na bela paisagem colorida.

Rio, mar e mente de pujante cor,

Montam grandes ondas cheias de sabor.

Doce Mar